Exportações

Pobre em matérias-primas, mas rica em mão de obra altamente qualificada, a Suíça mantém relações comerciais intensas com o estrangeiro.

Navio de container em porto de carga naval
© FDFA, Presence Switzerland

A economia suíça depende fortemente do comércio internacional. Em 2012, o total de exportações (de bens e serviços) atingiu os 285,8 bilhões de francos. Em oposição, o total de importações foi de 220,8 bilhões de francos. A Suíça consegue alcançar regularmente um saldo positivo na balança comercial. 

Os serviços (bancos, seguros, turismo) têm uma posição importante no comércio internacional suíço. Essa área é responsável por 29% de todas as exportações e 20% das importações. 

Comércio de bens 

Em 2012, a economia suíça forneceu 200,6 bilhões de francos em bens para o estrangeiro. 57% desse montante diz respeito a exportações para países da UE. O parceiro comercial mais importante da Suíça é a Alemanha, com uma porcentagem de 20% dos bens exportados. Os bens exportados mais importantes da Suíça são produtos da indústria química e farmacêutica (79 bilhões de francos), relógios (44 bilhões de francos) e máquinas (33,3 bilhões de francos). 

Dos bens importados em 2012 com um valor de 176,8 bilhões de francos, 75% provieram de países da UE. Só a Alemanha forneceu 31% dos bens importados. A maior porcentagem de bens importados diz respeito à indústria química e farmacêutica (39,4 bilhões de francos), à indústria de máquinas (29,4 bilhões de francos) e à indústria relojoeira (19 bilhões de francos).