Legalizações

O Consulado Geral tem competência para legalizar assinaturas de pessoas físicas, tradutores juramentados previamente cadastrados e funcionários de cartórios / tabelionatos de notas igualmente cadastrados.

Caso a legalização de documentos ou de assinaturas destine-se à abertura de conta em uma instituição bancária na Suíça, pede-se que o interessado contate diretamente o banco e que este informe qual o escritório de representação ou o banco de correspondência mais próximo. Estas instituições, e não o Consulado Geral, são responsáveis por legalizar documentos e assinaturas com este intuito.

Em casos de herança, favor contatar o consulado diretamente para mais informações.

Queira observar, que o Consulado Geral não legaliza o documento em si, mas apenas a assinatura de funcionários de cartórios / tabelionatos de notas, de um tradutor juramentado (ambos precisam ter a assinatura cadastrada nesta representação consular) ou a assinatura de uma pessoa que assine o documento diante do funcionário do consulado.

Nenhuma legalização pode ser feita sobre um documento em branco.

A legalização de assinaturas/documentos/cópias somente pode ser efetuada caso o documento a ser utilizado na Suíça envolva interesses suíços. O teor dos documentos deve claramente salientar esta condição.

O interesse suíço deve estar implícito no documento ou ser comprovado através de uma carta ou e-mail enviado diretamente pela empresa/instituição na Suíça ao Consulado Geral, confirmando a relação de negócios e a necessidade da legalização dos documentos.

Esta mensagem deve estar datada e assinada pela parte interessada na Suíça, que deve identificar-se claramente. Deve especificar ainda quais os documentos precisam ser legalizados, onde eles serão utilizados na Suíça e para qual propósito.  O Consulado Geral pode necessitar submeter o dossiê à autoridade central na Suíça para aprovação, requerer documentos adicionais e/ou mesmo a legalização prévia dos documentos pelo Itamaraty (Ministério das Relações Exteriores  do Brasil).

OBS: O prazo para a execução do serviço é de 1 a 3 dias úteis.

A fim de realizar uma legalização, é necessário apresentar os seguintes documentos:

  • Documentos originais a serem legalizados (não devem estar grampeados);

  • Cópias simples de todos os documentos a serem legalizados;

  • Passaporte e/ou carteira de identidade original válido(s) do requerente da legalização;

  • Caso o interesse suíço não esteja implícito no documento, uma carta assinada pelo requerente especificando qual o propósito da legalização, por qual motivo ela é necessária e qual a relação que esta possui com a Suíça deve ser entregue junto com os documentos;

  • Taxa em dinheiro para cada legalização, clique aqui

Detailed information can be found on the English page.